NADA SOU…

[Total: 1    Média: 3/5]
Download PDF

Contribuição de Roberto Luiz C B C dos Santos

NADA SOU…

E apesar de tudo

Do que queiram me fazer crer,

Há, em mim, nenhuma dúvida

Do que fui, sou, enfim…

Um nada no tudo.

A pretensão de quererem o que seja,

Está bem distante do que é a vida.

Não tenho razões de desvirtuar-me

Nestes desvios deturpados

Em que os fazem ter supostas razões

Que felizmente, não me isenta de ser

O que verdadeiramente sinto

Em tudo, embora nada…

Nada nesta vastidão do mundo,

Em que muitos, se sentem

Que são, maior que este.

Nada Sou!

Embora sendo centelha de luz neste todo.

Roberto Luiz Santos. 17-05-2018

738 total views, 3 views today