Poder Real: Eleve-se sobre a sua Natureza e Nunca Mais se Sinta Zangado, Ansioso ou Inseguro!

Download PDF
[Total: 0    Média: 0/5]

De Rabino Kalman Packouz

 

 

BOMDIA! Há algum tempo atrás eu estava voando de volta para Miami, vindo de Nova York. Ao entrar no avião, cumprimentei a senhora que estava sentada ao meu lado. Ela se apresentou e começou um discurso de sete minutos sobre a história de sua vida, com uma versão oral de seu curriculum vitae, suas experiências como psicoterapeuta, os livros que escreveu as prestigiosas instituições e organizações às quais prestou consultoria e uma visão geral sobre a situação do mundo.Fiquei aturdido. Percebi que havia ‘tirado a rolha’ de um Vesúvio verbal e as palavras continuavam a jorrar sem parar. “O mundo está ficando cada vez mais louco!”, ela exclamou. “Por quê?”, perguntei. “Há mais guerras”. Eu indaguei: “Por que a senhora acha isto?” “Há mais violência”. “Qual a causa?”, perguntei. “Há mais insanidade”. “Por que mais insanidade?” – implorei. E ela respondeu: “Eu lhe contei que escrevi um livro sobre isto?” Perguntei ansioso: “E em suas 300 páginas, a senhora sugeriu alguma razão?” Ela ignorou a pergunta e continuou: “E escrevi outros livros, também!”Depois ela me contou que uma amiga sua, também psicoterapeuta, ficou lhe telefonando de hora em hora implorando para acompanhá-la em sua viagem. “Ela é maluca! Todos os psicoterapeutas são malucos!” “Por quê?”, tentei saber. “Porque entram na psicoterapia para entender a si mesma e descobrem que são malucos”.“Talvez”, observei, “seja por isto que o mundo está ficando cada vez mais louco. Ou será que a saúde mental da população está nas mãos de doidos?”Enquanto ela ponderava sobre a profundidade desta idéia, uma tática brilhante surgiu em minha mente sobre como desvencilhar-me de 3 horas (o tempo do vôo) de seu assédio verbal. Dei-lhe o livro que eu estava lendo intitulado Real Power, escrito por David Lieberman, (seu subtítulo é: “Rise Above Your Nature and Never Feel Angry, Anxious or Insecure Again! – Poder Real: Eleve-se sobre a sua Natureza e Nunca Mais se Sinta Zangado, Ansioso ou Inseguro!). “Eis um presente para a senhora. Creio que o achará realmente interessante”. E durante as 3 horas seguintes fui capaz de dormir – exceto pelas 2 vezes que ela me acordou para dizer: “Eu lhe contei que escrevi um livro sobre este tema também?”Não sei que parte deste fascinante livro a intrigou, mas a seguinte seção foi uma das muitas que me cativaram. Gostaria de compartilhá-la com vocês, queridos leitores!“Há três forças presentes nos seres humanos que freqüentemente estão em divergência umas com as outras: o corpo, o ego e a alma. Em síntese, o corpo quer fazer aquilo que lhe dá prazer; o ego quer fazer o que parece bom e a alma quer fazer o que é bom. Por exemplo: quando o despertador toca de manhã, as três forças entram numa batalha. Se apertarmos o botão para silenciá-lo, adivinhe quem ganhou a primeiro round?”“Fazer o que é mais fácil ou confortável é um impulso natural do corpo. Exemplos de excesso de obediência a esta força ocorrem quando a pessoa come demais ou dorme em demasia. Ou seja: faz ou deixa de fazer algo que sabe que não deve ou deve fazer, somente porque lhe garante uma gratificação imediata. Basicamente, o corpo apenas quer escapar dos ditames de nossa consciência”.“Já uma iniciativa comandada pelo ego pode nos fazer, por exemplo, comprar um carro esplendoroso que está muito além de nossas posses. Seguindo as orientações do ego, fazemos coisas que acreditamos poder projetar uma imagem correta de nós mesmos. Porém, estas decisões não são baseadas no que é bom, mas naquilo que nos faz parecer bons”.“Todavia, na maior parte dos casos, a seguinte‘mecânica’ ocorre dentro de nós: ao não conseguirmos nos controlar, acabamos sucumbindo aos prazeres imediatos ou nos esforçamos para projetar uma imagem irreal. O resultado é que acabamos bravos conosco mesmos e nos sentimos vazios por dentro. Para compensar estes sentimentos de culpa e incapacidade, o ego se infla e nos tornamos egocêntricos, o que, por sua vez, faz com que nossa perspectiva sobre a vida se estreite e enxerguemos mais sobre nós e menos sobre o mundo. Aí entramos num círculo vicioso, nos tornando progressivamente mais temperamentais e instáveis”.“Somente adquiriremos uma boa auto-estima ao sermos capazes de fazer escolhas responsáveis e agir deforma correta, sem levar em consideração se é algo confortável ou não ou o que parecerá aos olhos dos demais. Esta é uma escolha da alma. Procedendo assim, elevaremo-nos para um patamar mais alto e mais saudável, pois a auto-estima e o ego relacionam-se de forma inversamente proporcional. É como uma gangorra: quando um sobe, o outro desce”.“Apesar de nosso humor inevitavelmente variar de acordo com as circunstâncias que vivenciamos ao seguirmos as orientações da alma nosso bem-estar emocional permanecerá largamente imune às condições e experiências de todos os tipos, positivas ou negativas”.“Pesquisas indicam que os ganhadores da loteria freqüentemente vivem vidas infelizes depois de sua sorte inesperada. O fato de um número desproporcional de suicídios, assassinatos, prisões por dirigir embriagado e até falências ocorrerem com estes ‘vencedores’ levou a estudos sobre uma possível ‘maldição da loteria’. O público em geral tem dificuldade em compreender porque tal falta de sorte persegue aqueles que repentinamente se tornaram tão afortunados. Entretanto, a razão é absolutamente clara. Uma vez que a auto-estima provém de se fazer boas escolhas, aqueles que se tornam repentinamente famosos ou endinheirados descobrem também ter mais ‘munição’ para um comportamento não construtivo e para entregar-se aos ‘prazeres da vida’”.“A lógica diz que, ao estarmos no controle de nós mesmos e agirmos de forma responsável, nunca ficaremos profundamente perturbados por qualquer um ou qualquer coisa. Não seremos vítimas de nada além de nosso próprio comportamento, pois nada nos afetará: somos nós que afetamos o mundo ao nosso redor”.

O livro (em inglês) ‘Real Power’ pode ajudar e muito aquelas pessoas com baixa auto-estima, emoções negativas e relacionamentos infelizes em sua vida, apresentando um método preciso que dissolve as barreiras que se interpõem à nossa felicidade. Ele também pode ajudar a se livrar da ansiedade, tensão e preocupações, e a fortalecer a sua autoconfiança e imagem própria.

859 total views, 3 views today

  • 1
    Share